22/06/2016
Tem muita gente que sente dificuldades de começar a estudar sem ter o edital lançado, sente-se perdido, sem saber por onde começar, que caminho seguir… Se você também é assim, saiba que está perdendo um tempo precioso de estudo! O estudo antecipado é uma estratégia para economizar tempo e ajudar a dar conta de boa parte do conteúdo da prova de forma produtiva.
Normalmente o prazo entre a publicação do edital e a realização das provas é bem curto, entre 45 a 90 dias. Nesse prazo é inviável estudar todos os assuntos, portanto quanto antes você começa a preparação, melhor seus resultados!
EDITAIS DE PROVAS ANTERIORES
Pesquise quais foram os últimos concursos realizados pelo órgão a que você pretende concorrer. Baixe os editais e analise os conteúdos que foram cobrados. As chances do próximo concurso cobrar as mesmas disciplinas são grandes, então você já tem um rumo a seguir.
CONCURSOS DA MESMA ÁREA
Os concursos podem ser divididos basicamente em algumas áreas principais: administrativa, policial, tributária, técnica ou jurídica. Quando o candidato foca em uma dessas áreas, fica mais fácil analisar os editais de alguns órgãos e encontrar alguns pontos em comum entre eles, tais como as matérias que são comumente cobradas e até as bancas que costumam fazer as provas desses órgãos.
FOQUE NAS MATÉRIAS BÁSICAS
Com a análise dos editais anteriores, vai ser possível saber quais são as disciplinas que costumam cair em todos os concursos semelhantes ou do mesmo órgão. Disciplinas como Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Matemática têm um programa semelhante na maioria das seleções, então comece seus estudos por estas. Pesquise como são abordadas as matérias que caem no seu concurso, isso será possível resolvendo muitas questões de provas. Evite estudar matérias específicas que são cobradas em poucos concursos e aquelas que sofram constantes atualizações como as de legislação. Deixe para investir nelas apenas após o lançamento do edital.
Veja algumas das principais disciplinas básicas por áreas de concurso:
CONCURSOS DA ÁREA FISCAL: Português, Raciocínio Lógico, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Tributário, Matemática Financeira, Contabilidade, Estatística, Economia, Inglês e Informática.
CONCURSOS DA POLÍCIA FEDERAL: Português, Raciocínio Lógico, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Penal, Direito Processual Penal, Matemática Financeira, Contabilidade, Economia, Administração, Redação e Informática.
CONCURSOS DA ÁREA DOS TRIBUNAIS: Português, Matemática, Raciocínio Lógico, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Penal, Direito Proc. Penal e Direito Proc. Civil.
CONCURSOS DA POLÍCIA CIVIL: Português, Raciocínio Lógico, Matemática, História, Geografia, Atualidades e Informática.
MONTE UM CRONOGRAMA DE ESTUDOS
Defina qual o tempo que você tem disponível para os estudos. Seja sincero com o real tempo que terá para estudar! Monte um planejamento, dividindo os horários entre as matérias básicas, deixando cerca de 50 minutos a uma hora para cada uma das disciplinas. Entre uma matéria e outra, dê um intervalo de cerca de 10 minutos para beber uma água, ir ao banheiro, se espreguiçar. Tente estudar 2 ou 3 disciplinas por dia, no máximo. Estude teorias em alguns dias e reserve outros para resolver questões e realizar simulados.
ATUALIZE-SE APÓS O LANÇAMENTO DO EDITAL
Algumas matérias, principalmente aquelas relativas à legislação, podem sofrer mudanças entre um edital e outro. Esteja preparado para mudar seu planejamento assim que o edital for lançado. É nessa hora que você deve investir no estudo das matérias específicas.
21/06/2016
No próximo dia 28, o Espaço Jurídico está iniciando várias turmas preparatórias para os cargos de Técnico e Analista do concurso do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). O órgão está realizando um processo licitatório para contratar a organizadora da seleção e há uma perspectiva que o edital já seja lançado a partir de agosto.
Haverá uma turma pela manhã no EJ Boa Viagem e três turmas no EJ Boa Vista, nos turnos da manhã, tarde ou noite. São mais de 150 horas de aulas, divididas entre as principais disciplinas que devem ser cobradas. O EJ mantém o compromisso de atualizar o curso, caso após o lançamento do edital haja algum conteúdo novo.
O aluno que se matricular no curso presencial ganhará também o curso online para o TJPE. Venha estudar conosco!
15/06/2016
Conforme o Espaço Jurídico já vem anunciando, está cada vez mais próxima a realização do concurso do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). O órgão já divulgou, em seu Diário Oficial, a abertura de um processo licitatório para contratar a empresa organizadora da seleção que ocorrerá nos próximos meses.
De acordo com a divulgação, as empresas interessadas em participar da licitação terão até o dia 07 de julho para enviar suas propostas. Logo em seguida será escolhida a empresa organizadora. O lançamento do edital deve ocorrer a partir do mês de agosto.
O último concurso do TJPE foi realizado no ano de 2012 pela organizadora Fundação Carlos Chagas (FCC) e convocou mais de 3700 aprovados.
12/06/2016
O Instituto Rio Branco (IRBr) lançou o edital de abertura do concurso público que oferece 30 vagas para a carreira diplomática. Os aprovados iniciam na classe inicial de Terceiro Secretário. A remuneração inicial é de R$ 15.005,26.
Podem participar da seleção os candidatos que tiverem concluído qualquer curso de graduação de nível superior, que tenham mais de 18 anos e sejam brasileiros natos.
As inscrições estão abertas até o dia 20 de junho, no site do Cespe. O valor da taxa é de R$ 225,00.
A seleção é composta de três fases: a primeira etapa será uma prova objetiva; a segunda, prova escrita de Língua Portuguesa; e a terceira é composta por provas escritas de Língua Inglesa, História do Brasil, Política Internacional e Geografia, Noções de Economia, Noções de Direito e Direito Internacional Público, além de prova objetiva de Língua Espanhola e de Língua Francesa.
A primeira fase do certame ocorre nas capitais dos 26 estados e no Distrito Federal (DF), na data provável de 24 de julho.
08/06/2016
Neste domingo (12) tem prova para os cargos de Escrivão e Agente da Polícia Civil de Pernambuco (PCPE). O Espaço Jurídico está realizando alguns aulões de véspera para revisar os principais tópicos do edital do concurso  através de resolução de questões. Graças ao sucesso, já tem algumas turmas esgotadas! Corra para garantir a sua vaga nas nossas turmas extra!
Nesta sexta (10), haverá um aulão no EJ da Boa Vista, das 14h às 22h. Já no sábado (11), a turma extra será no EJ Boa Viagem, das 08h às 18h.
Valor promocional para quem se inscrever até esta quinta-feira (09).
07/06/2016
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) vai realizar um novo processo seletivo para contratar temporariamente até 7.500 profissionais para a função de Agente de Pesquisas e Mapeamento. Os selecionados vão trabalhar pelo período de um ano, podendo ser prorrogado até, no máximo, três anos.
As oportunidades são para 550 municípios nos 26 estados brasileiros e no Distrito Federal. Para Pernambuco, são 353 vagas, sendo 262 para ampla concorrência, 70 para candidatos negros e 21 para portadores de deficiência. As vagas do estado são distribuídas nos municípios de Afogados da Ingazeira, Arcoverde, Belo Jardim, Carpina, Caruaru, Escada, Garanhuns, Jaboatão dos Guararapes, Limoeiro, Olinda, Ouricuri, Palmares, Petrolina, Recife, Salgueiro, Serra Talhada, Timbaúba e Vitória de Santo Antão.
Para participar, o candidato deve ter idade mínima de 18 anos e o ensino médio completo.  O salário é de R$ 1.250,00, acrescido do auxílio alimentação e transporte. A jornada de trabalho de 40h semanais.
As inscrições custam R$ 30,00 e devem ser realizadas entre os dias 21 de junho a 19 de julho de 2016, no site da Cesgranrio.
A seleção conta com uma prova objetiva contendo 60 questões, divididas entre as matérias de Língua Portuguesa, Geografia, e Raciocínio Lógico. A prova será realizada na data provável de 04 de setembro.
05/06/2016
Se você não aguenta mais tanta crise e está em busca de segurança e um ótimo salário, o concurso do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) pode ser uma grande oportunidade. Na última seleção, foram convocados mais de 3700 aprovados, muito além das vagas inicialmente oferecidas. O novo edital deve sair em breve e se você quer concorrer a uma das vagas, deve começar a estudar agora!
Para te ajudar nos estudos, o Espaço Jurídico está com uma promoção especial! Até o Dia dos Namorados, você compra o curso TJPE online, voltado para os cargos de técnico e analista, e ganha na hora 50% de desconto para presentear o seu amor com o curso!
Os dois estudam, os dois são aprovados e o futuro vai ser repleto de amor e segurança. Gostou? Então aproveite!
30/05/2016
O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) deve lançar em breve um concurso público com vagas em cargos de nível médio e superior. Se você quer concorrer a uma dessas oportunidades, venha estudar com o Espaço Jurídico!
Estamos lançando novas turmas preparatórias que terão início nesta terça-feira (31), no turno da noite. Haverá turmas nas unidades de Boa Viagem e da Boa Vista. São 75 encontros de 3 horas cada, divididos entre as seguintes matérias: Gramática, Interpretação de textos, Raciocínio lógico,  Informática,  D. Administrativo, D. Constitucional, D. Civil, Processo Civil, D. Penal, Processo Penal e Lei 6123.
O EJ mantém o compromisso de atualizar o conteúdo do curso caso, após o lançamento do edital, haja algum assunto que não foi abordado. O aluno do curso presencial ainda tem direito ao curso online.
DESCONTO AMIGO!
No EJ, você pode estudar com seus amigos e todos ainda saem ganhando! Se você indicar mais um aluno, cada um recebe 5% de desconto. Se mais dois amigos seus se matricularem, o desconto é de 10% para cada. E se for você e mais três amigos estudando no EJ, o desconto é de 15% para cada um. Aproveite!
29/05/2016
O professor Fernando Sánchez preparou uma série de três aulões de Raciocínio Lógico voltado para os candidatos ao concurso do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). As aulas serão realizados sempre às terças-feiras (31/05, 07 e 14/06), das 14h às 17h, no Espaço Jurídico da Boa Vista.
É possível comprar os aulões isoladamente ou o pacote com valor promocional.
28/05/2016
A Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) vai realizar um concurso que tem vagas para Escrivão e Agente de Polícia, dentre outros cargos. São 500 oportunidades para o cargo de Agente e 50 para o cargo de Escrivão.
Muita gente almeja uma dessas vagas, mas você sabe o que faz um Escrivão? E um Agente? Nós trouxemos aqui um pequeno resumo de cada uma das funções para quem está concorrendo a uma das vagas possa saber o que se espera dos futuros profissionais.
A jornada de trabalho para ambos os cargos é de 40 horas semanais, ressalvadas as jornadas especiais, em regime de plantão, que observam a proporcionalidade limite de uma hora de trabalho, para três de descanso. A remuneração também é a mesma: R$ 3.276,42. No entanto, as funções de cada um são um pouco diferentes. Vamos conferir?
Escrivão da PCPE
De acordo com o edital do concurso da PCPE, são funções de um Escrivão:
- Materializar os atos de Polícia Judiciária, definidos na esfera de sua competência funcional pelo Código de Processo Penal e por outras normas que regem essa atividade;
- Assessorar, executar e controlar os trabalhos relacionados à formalização dos atos de Polícia Judiciária por determinação e orientação da Autoridade Policial a que estiver subordinado nos inquéritos policiais, sindicâncias e processos administrativos disciplinares;
- Expedir certidões de ofício e mediante requerimento deferido pela Autoridade Policial;
- Executar tarefas administrativas pertinentes às atividades cartorárias;
- Responder pela guarda de bens, valores e instrumentos de crime entregues à sua custódia em razão de sua função, dando-lhes a destinação legal;
- Proceder e manter registro atualizado das estatísticas inerentes aos trabalhos policiais do seu cargo;
- Receber e recolher à repartição competente as importâncias ou valores relativos à fiança;
- Zelar pelo cumprimento dos prazos legais;
- Proceder a outros atos de natureza tipicamente cartorária;
- Manter o sigilo necessário à elucidação dos fatos e às investigações, dentre outras determinadas pelas autoridades competentes.
O Escrivão atua como o auxiliar direto do Delegado. Seu trabalho costuma ser restrito à delegacia, onde realiza todo o trabalho burocrático. Quando uma pessoa chega para denunciar um crime ou de um fato qualquer, é o Escrivão quem vai elaborar o boletim de ocorrência.
O profissional deste cargo precisa ter domínio completo da língua portuguesa e possuir agilidade em escutar e redigir ao mesmo tempo. Ele faz anotações em livros oficiais, analisa inquéritos, faz indiciamentos, prisões em flagrante e recolhe finanças. O Escrivão acompanha o inquérito policial do início ao fim.
O Escrivão tem fé pública na sua profissão, ou seja, tudo aquilo que é documentado pelo Delegado de Polícia, deve ser certificado por ele para que tenha valor.
Agente da PCPE
Já o Agente da Polícia Civil deve, de acordo com o edital da seleção:
- Praticar os atos de Polícia Judiciária definidos na esfera de sua competência técnica e funcional pelo Código de Processo Penal e por outras normas que regem essa atividade, mediante determinação da Autoridade Policial;
- Cumprir mandados judiciais e custodiar presos;
- Dirigir veículos policiais automotores em atividades pertinentes aos serviços policiais;
- Operar equipamentos computacionais e de comunicação, bem como armamentos policiais;
- Manter o sigilo necessário à elucidação dos fatos e às investigações, dentre outras determinadas pelas autoridades competentes.
O Agente de Polícia precisa fazer com que a lei seja cumprida. Tem um trabalho bastante ativo: efetua prisões, interroga suspeitos, atende a ocorrências, examina evidências de um inquérito, organiza a ordem dos acontecimentos, monta a sequência do processo judicial.
É o Agente também que cumpre mandados judiciais, cuida da custódia dos presos e dirige os veículos dos policiais durante atividades de serviço.